segunda-feira, julho 31, 2006

Golos com Sotaque


Fala-se por aí , parece mesmo que os intervenientes já se movimentam , que o Liedson passará a viajar com Passaporte Português para poder colmatar a lacuna que o Pauleta abriu após a renúncia à selecção nacional .
Em primeiro lugar parece-me que as únicas coisas que o Pauleta não deixa na selecção e nos seus milhões de adeptos , são saudades e muito menos uma lacuna . O açoriano foi aposta do Sr. Scolari durante os ultimos 4 anos e apesar de ter batido o recorde de golos do nosso Eusébio , se analisarmos as circunstâncias , os adversários e os companheiros que o ajudaram a atingir essa marca , conclui-se facilmente que provavelmente até o Akwa o faria sem grandes esforços .
Sem querer desvalorizar o inquestionável Liedson , um dos grandes avançados a actuarem no futebol português , e a sua rentabilidade no que diz respeito a golos , fico boqueaberto ao ler estas noticias .
Com a saída do Pauleta poderemos finalmente ter um avançado a sério e mão-de-obra não faltará com os nomes de Nuno Gomes ( o homem que rende muito mais na selecção do que no Glorioso , e que tão bem tem personalizado com a camisola das quinas o mais desejado Grito no Futebol ) Helder Postiga ( um jogador que moralizado e com rotatividade pode ser bastante útil ) , Joao Tomás ( nao me falem em idade pois a média de golos dele no Braga cala qualquer contra argumento ) Hugo Almeida ( jovem promissor , com pinta e caracteristicas de Goleador ) e todos os ex juniores que o Sporting tem lançado e irá lançar este ano .
As opções são imensas , garantem qualidade e acima de tudo qualquer um destes nomes terá orgulho em vestir a camisola da Selecção e cantará o Hino do principio ao fim ...
Naturalizar mais um brasileiro para jogar pela equipa Nacional será ridicularizar ao máximo os nossos jogadores , o orgulho de um povo valente e capaz , desprestigiar a bandeira e cores nacionais e entrar numa onde anti desportiva de ganhar jogos na secretaria e não no campo .
Não somos nenhuns incapazes ou debilitados futebolisticamente para sermos o caixote do lixo dos jogadores brasileiros . Muito menos seremos uma equipa B do Brasil . Temos as nossas armas , tão bem glorificadas no nosso Hino , o nosso potencial e temos de acreditar no nosso valor !
Alguém avise ou informe o Sr. Gilberto Madaíl que chega de fazer asneiras e que estará mais do que na altura de passar o seu testemunho a outra pessoa com mais dinâmica , vontade e carácter.
Para Golos com sotaque , conferências de imprensa cheias de jornalistas brasileiros e conversa enrolada cheia de samba , já basta o número excessivo de jogadores provenientes de Terras de Vera Cruz que actua na SuperLiga e as Telenovelas que somos obrigados a ver e que nos invadem em ritmo cada vez mais intenso .

6 Comments:

Anonymous José said...

Estou de acordo consigo. Já emití essa opinião no blog odragão. No entanto, creio que teremos ( nós portugueses ), de aprofundar este tema. Por exemplo, o que acha do caso Obikwelo? Se um dos filhos de brasileiros, que recentemente vieram viver para Portugal, vier a ser seleccionável, deve jogar ou não?

10:20 da tarde  
Anonymous Anónimo said...

claro k acho k selecçao sera sempre e para sempre o mais portuguesa possivel, mas o caso do levezinho levanta o problema de nao temos ninguem nessa posição que faça o k deve ser, golos!!!
Se no mundial houvesse um levezinho se calhar o resultado teria sido diferente, talvez sermos campeoes do mundo, ASS pJ

12:35 da tarde  
Blogger Tiagojcs said...

Sao assuntos de facto muito delicados e podem-me chamar nacionalista ou isto e aquilo mas para mim na selecção nacional , actualmente , apenas portugueses , filhos de portugueses . Prefiro não ganhar mas ver todos os representantes nacionais a cantarem o hino com orgulho e emoção .

9:42 da manhã  
Anonymous catn said...

A selecção de Portugal é para portugueses nascidos em território português

O que queremos nós ?
Ganhar de qualquer maneira, qualquer dia temos 23 jogadores estrangeiros

5:10 da tarde  
Anonymous catn said...

Só mais uma coisa, elementos que venham para cá em pequenos e que a sua formação desportiva seja efectuada em Portugal, estou de acordo que fassam parte das nossas selecções

Agora, vermos as posições que nos fazem falta e irmos busca-los ao estrangeiro é um desrespeito para com os atlétas nascidos em Portugal e que actuem nessas posições, assim como um atestado de incompetência ás escolas de formação dos clubes e aos proprios clubes

6:51 da tarde  
Anonymous Anónimo said...

Exactamente . A selecção deve ser dos Portugueses . Basta de estrangeirices ! Venceremos quando o tivermos que fazer mas com produto nacional !

9:42 da manhã  

Enviar um comentário

<< Home

origem